Image Map

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

AF: Silent Road (iwtmorepizza)

Hello, como vai? Quero desculpar-me pela demora. Vamos ao que interessa? Espero que goste da sua avaliação, linda. 

Capa: 2,0 de 2,0.
Ao todo, sua capa é simples. Porém foi uma forma simples e interessante. Eu a amei. A foto do Niall está massa, o contraste entre o preto e o branco, o detalhe do sangue... Ficou genial, na minha opinião. 

Sinopse: 0,5 de 2,0.
Já da sinopse eu não me agradei tanto assim. Veja, não considero-a como uma sinopse, e sim uma frase. Eu fiquei "cadê o resto?" e aposto que os seus leitores também. Se você tem dificuldade, faça um pedido de sinopse. Ela irão elaborar uma perfeita pra você ;) (It's a revolution, make it out tonight... papapapaparárá) . Ignore meu momento. 

Ortografia: 2,0 de 3,0.
Bom, vamos lá. A parte mais difícil... 
Logo na primeira frase eu encontrei algo que me deixa muito irada :) A falta da vírgula antes do vocativo :) "Corra Lucy!". Correto: "Corra, Lucy!" 
A vírgula sempre, infinitivamente, deve estar antes do vocativo. Se o vocativo estiver no meio da frase, isole-o com vírgula. 
Corra, Lucy, por favor!
Compreendido? Espero que sim, einh? Hue. 
E aí, outra coisa que me deixou "wtf?": ela própria se apresentar. 
Nunca faça isso. Em hipótese alguma. Se eu fosse uma leitora e visse isso, pararia na hora. 
O correto é você deixar com que o texto a apresente. Logo no início, saberemos o nome dela por conta do Ponto de Vista. No "P.O.V Katherine" você poderia ter colocado o sobrenome também. Ao longo dos parágrafos, a idade dela, a cor dos olhos, e etc. Mas nunca faça isso:
"Meu nome é Mayara Letícia, mas pode me chamar de Lets. Tenho 14 anos e estou no 9°ano do ensino fundamental. Minha mãe é um amor de pessoa, porém meu pai é super chato. Afff, esse velho me irrita". Eu descubro seu endereço só pra puxar teu pé à noite.
"Eu, correndo numa estrada deserta a noite". Correto: "Eu, correndo numa estrada deserta à noite".
"Eu havia tomado à decisão..." Nope! Tire a crase, please. Crase é uma coisa do inferno, vou tentar fazer você entendê-la um pouco.
Ela é uma junção de duas vogais idênticas. A junção de a + a = à. 
Ex: Vou a a igreja.
Vou à igreja. 
Vou parar por aqui, pois quanto mais você lê, mais você se confunde. 
Todos os seus erros se resumem nisso e alguns probleminhas com a vírgula, mas nada que uma revisada conserte. 
E, claro, a falta do travessão. Sugiro que você leia esse post: click here

Enredo: 1,7 de 3,0.
O enredo principal da sua história não é clichê. O que a fez clichê foram os acontecimentos. A carona, a coincidência de ela ir para o mesmo lugar que a amiga, e tal... Entretanto, apesar disso, eu gostei.  Acho que você poderia transportar os sentimentos dos personagens melhor. Tudo foi muito rápido, tipo, numa hora ela estava apavorada por ter alguém a observando e depois encontra a amiga. Foi uma mistura que eu não consegui sentir a emoção, o drama. Acho que é só isso. Sucesso com a fic, beijão.

Nota Final: 6,2 de 10.


Nenhum comentário :

Postar um comentário