Image Map

domingo, 13 de novembro de 2016

Entrevistando o Autor - Cruel World, by Mrs. Dreams

ENTREVISTANDO O AUTOR
by Jaxtom

Fanfic: Cruel World
Autor(a): Mrs. Dreams


Sinopse:
Após um terrível vírus se espalhar pelo mundo, tudo que Emma White queria era achar suas irmãs. Residente de Washington D.C., a ex-agente do FBI agora viajava sozinha por lugares desolados e tomados pelos mortos, fazendo seu melhor para sobreviver em meio à devastação que era o estado da Geórgia. Pelo caminho, a mulher acaba encontrando outros sobreviventes, porém sempre sem ter certeza de que pode confiar totalmente neles. 
Afinal de contas, o mundo era cruel, e as pessoas mais ainda.

Leia a fanfic aqui!



1) Qual seu nome, idade e onde mora?
Olá, meu nome é Vanessa. Tenho 15 anos e moro no interior do estado de São Paulo.

2) Como foi seu primeiro contato com fanfic? Onde ouviu falar pela primeira vez?
O meu ingresso no mundo das fanfics aconteceu por acaso. Descobri um blog, em 2012, com histórias originais da Saga Crepúsculo (que eu adorava na época T.T) e me apaixonei por esse universo, ingressando então para o Nyah!

3) Ainda lembra qual foi a primeira história que você leu?
Sim! Foi nesse mesmo blog que citei, e se me lembro bem, chamava-se Burning Sun!

4) Quais fandons você geralmente lê e escreve?
Eu costumo me prender aos fandons de séries e livros, apesar de algumas originais também me atraírem para a leitura. 
No entanto, na hora da escrita, prefiro me dedicar aos fandons das séries, especialmente de The Walking Dead.

5) Como é a escrita na sua vida? É apenas hobby ou você pretende levar isso profissionalmente?
A escrita vem me acompanhando desde pequena e acho interessante que parte minha, ainda que não muito grande, pense em levar isso profissionalmente (apesar de ainda não ter muita certeza quanto a isso).

6) Por qual motivo você escreve? O que te motiva?
Escrevo para exercitar minhas próprias ideias e pensamentos. Acho incrível esse poder que a escrita possui, em particular no mundo das fanfics, onde você pode simplesmente colocar em ação, arrumar ou imaginar, tudo aquilo que não te deixou satisfeita na obra original. 
Minha motivação? Qualquer coisa que me inspire.

7) Na vida real, você costuma ler livros? Quais são seus preferidos? Quais autores você admira?
Leio sim! As Crônicas de Gelo e Fogo, Para Sempre Alice, Cidades de Papel e As Vantagens de Ser Invisível estão entre minhas obras favoritas e alguns dos autores que admiro são George R. R. Martin, John Green, Kiera Cass e Suzanne Collins.

8) Como surgiu a ideia de escrever Cruel World?
Bom, o universo de The Walking Dead sempre foi algo que me interessou e intrigou, afinal, todo o conceito de uma sociedade arruinada por um simples vírus oferece um vasto território a ser explorado! Por isso, de início, comecei a ter pequenas ideias enquanto assistia a série, apenas alguns pontos que eu desejava me aprofundar, modificar e fazer a minha própria maneira. Então, após criar alguma coragem, comecei a escrever!

9) Como foi pra você trabalhar as relações entre os personagens? Teve algo de experiência pessoal em alguma delas?
Acho que todo autor traz para seus personagens alguns de seus aspectos, seja vivencias ou características e comigo não foi diferente. Tudo é uma grande junção; seja de coisas que já vivi, presenciei, ouvi ou assisti, com adaptações e modificações, é claro.

10) Você considera Cruel World um de seus melhores trabalhos?
Com certeza! (Sem querer soar convencida ou qualquer coisa do tipo) O fato é que a história é meu principal projeto no momento, e tudo que faço para ela requer extremo planejamento e conhecimento, por isso, a vejo como meu melhor trabalho, principalmente em questão de personagem, enredo, escrita e feedback!

11) Como foi o processo de criação dos personagens (a personalidade, comportamento e tal)?
Eu diria que tudo foi uma grande junção! Adoro o processo de criação, e durante ele, tive consciência que precisava aproximar meus personagens o máximo possível do real, afinal, apesar de estarmos lidando com um fictício mundo pós-apocalíptico, o trabalho em si precisa ser realístico, assim como na série. Por isso, vejo em meus personagens um mix maravilhoso de todos os problemas, pensamentos, características e aspectos mundanos.

12) Que dica você daria para quem está começando?
Não tenha medo! Esse foi um dos meus principais problemas no começo e inclusive, sinto-me na obrigação de dizer que a garota que me indicou para esta entrevista foi a mesma que me encorajou a postar Cruel World! Por isso, arrisquem-se! Se escrever é a sua paixão, não tenha medo dela e, principalmente, não tenha medo de errar! Ninguém estará ali para te julgar, e a prática te levará a perfeição! 

13) Como você lida com as críticas que eventualmente recebe? Já passou por uma situação que te fez pensar em desistir de escrever (essa ou qualquer outra fic)?
Todas as críticas são bem-vindas! Tenho isso em mente, por isso, lido muito bem com elas, especialmente porque tenho betas e leitoras maravilhosas que me aconselham de maneira construtiva.

Não, nunca passei por nada do tipo, no entanto, já desisti sim de uma fic! Que, inclusive, era a versão antecessora de Cruel World. No entanto, não por conta de críticas negativas ou qualquer coisa do tipo. Eu apenas não estava satisfeita com o rumo que a história estava tomando, assim como sua narrativa, um tanto precoce por se tratar de meu primeiro trabalho. 

Por isso, a excluí, reformulei e lhe dei um “up-grade” chamado Cruel World!

14) O que os leitores que vierem a conhecer seu trabalho podem esperar da sua história e de você como autora?
Sou uma autora que leva seus trabalhos a sério, gosta de chocar e fugir de alguns clichês óbvios!

15) Sobre projetos futuros, você já tem algum em mente? Pode contar um pouco pra gente?
Projetos nós temos vários, o duro é arranjar tempo! Haha Mas sim! Pretendo reescrever uma história que não tem recebido minha devida atenção, postar uma short-fic sobre AHS e, quem sabe, planejar algumas continuações ;)

Enfim... Não vou deixar tão cedo o mundo das fanfics!

Muito obrigada pela entrevista! 
xoxo <3 <3

x.x.x

Obrigada, Vanessa, pela sua participação!

O pedido da entrevista foi da leitora Amélia.

Espero que tenham gostado, pessoal!

Não esqueçam de clicar no link lá em cima para conferir e ler a fic Cruel World!

Até a próxima!

Jax

Nenhum comentário :

Postar um comentário